Eczema do mamilo: o que é isso?

O eczema do mamilo é uma lesão da pele com vermelhidão, descamação, engrossamento, às vezes bolhas e lesões de raspagem. Costuma ser a manifestação de um eczema atópico na mãe, que provavelmente já teve eczemas em outras partes do corpo.

Eczema do mamilo: infecção bacteriana

A causa mais frequente em relação ao eczema do mamilo é a infecção bacteriana da mama, essa infecção aparece assiduamente em mulheres que estão em processo de amamentação, especialmente nas seis primeiras semanas de aleitamento. O início dessa infecção se dá pela entrada de bactérias através dos poros presentes no mamilo, que consequentemente vão infectar o interior da mama.

Como acontece a inflamação do mamilo? 

O eczema do mamilo está associado a descamação do mamilo e aréola. Essa descamação acontece por meio do contato com a roupa, por exemplo a fibra do sutiã) ou produtos de higiene pessoal (sabonete ou creme, ou por alguma pomada). Na maioria dos casos, este eczema é bilateral. Pode haver secreção e rubor mamilar vinculados a descamação e ao engrossamento da pele. Nessas condições, essa situação é resolvida tranquilamente com a aplicação de pomadas.

Sinais e sintomas 

Quando há eczema do mamilo, existe também inflamação. Os sinais comuns de inflamação da mama são: a presença de calor, vermelhidão e dor. Também pode existir febre, mas é mais raro. Um sintoma também pouco comum é o prurido (coceira), e geralmente acomete casos em condições benignas.

Tratamento

Ele é tratado com compressas úmidas e uma pomada suave com corticoides, que não precisa ser retirada para dar o peito. A cura costuma ser rápida mas ele é facilmente reincidente ao terminar o tratamento, e algumas mães devem tratar-se de forma intermitente durante alguns meses. Em alguns casos, é necessária a ingestão de antibióticos ou drenagem cirúrgica.

Quando há um processo inflamatório ou infeccioso da mama, sem que a mulher esteja amamentando, precisa ser investigado não apenas por meio de observação, mas também através de outros exames que efetivem um diagnóstico preciso.

Doença de paget 

Diante de um eczema que não responde ao tratamento deve-se descartar a doença de Paget, um tipo de câncer de mama. A doença de Paget é rara, mas precisa ser investigada e descartada. Apresenta sinais similares ao eczema de mamilo, entretanto está interligada a doença maligna da aréola e mamilo. Geralmente, acomete pessoas que estejam entre a faixa etária de 40 a 50 anos e habitualmente tem bom prognóstico.

Eczema atópico

Eczema

Foto: http://www.dermis.net

Referência Bibliográfica: 

  • GONZÁLEZ, Carlos. Manual Prático de Aleitamento Materno/ Carlos González; [tradução Maria Bernardes]. São Paulo. Editora Timo, 2014. 240 p. 
  • REGO, José Dias. Aleitamento Materno. 3ª edição. São Paulo. Editora Atheneu, 2015.

Faça seu comentário!

Seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios devem ser marcados *

Comment *