Posições para amamentar o seu bebê

Algumas mães conseguem amamentar em posturas e posições muito variadas, que muitas vezes, ao nosso olhar, podem parecer desconfortáveis. Porém, se a dupla mãe-bebê está satisfeita, não há necessidade de intervenção do profissional de saúde em relação as posições para amamentar o bebê

Para um início de amamentação bem-sucedido é primordial que o profissional de saúde observe a mamada, percebendo se a nutriz necessita ou não de ajuda.

Observar a mamada é tão importante quanto qualquer outro procedimento clínico, com uma relevância: só pode ser realizada enquanto o bebê está mamando. Verificar a temperatura ou frequência cardíaca e banho são exemplos de procedimentos que podem ser feitos em momentos diversos.

O que observar na posição da mãe e do bebê?

A mãe está relaxada e confortável e o bebê está calmo sem chorar. Ela necessitará de ajuda com as posições para amamentar o bebê se os ombros estiverem tensos, encolhidos, os pés torcidos, balançando, ou curvada sobre o bebê numa demonstração de insegurança.

O corpo do bebê está de frente para a mãe e próximo ao dela?

Se o corpo do bebê está distante do corpo da mãe, dificilmente teremos uma boa pega da aréola e uma sucção eficiente, causando transtornos à amamentação.

Fundamentamos a importância desta posição no ato flexor fisiológico do recém-nascido a termo. Sugar é um reflexo inato, um reflexo motor sob o controle de medula e ponte. A deglutição envolve, além dos nervos cranianos, um centro romboencefálico específico da deglutição localizada no bulbo.

Esta é apenas uma divisão didática, poque a sucção acontece de forma coordenada: sucção, deglutição e respiração. Esses reflexos de procura, apreensão, sucção e deglutição estarão prontos no momento do nascimento, especialmente no parto natural. Intervenções inadequadas poderão alterá-los.

A flexão fisiológica do bebê e a simetria facilitam o desempenho motor oral do bebê, promovendo a sucção eficiente.

Podemos ajudar mostrando os pontos principais, que são importantes para qualquer das posições para amamentar o bebê escolhidas pela mãe (sentada, deitada ou em pé):

  • O bebê é que vai até o peito e não o peito até o bebê. O corpo do bebê é deslocado em bloco;
  • O rosto do bebê deve estar de frente para o peito;
  • O corpo do bebê deve estar próximo ao da mãe;
  • A barriga do bebê encosta na parte superior do abdome da mãe;
  • A cabeça, cintura escapular e quadril devem estar alinhados.

A posição deitada é importantíssima, porque descansa a mulher enquanto amamenta. Sabemos que a pressão intraoral da sucção eficiente no peito da mãe impede o fluxo de leite para a tuba auditiva, fato que, devidos as diferenças, ocorre com mais frequência quando é usado o bico artificial.

Os dedos da mãe estão distantes da aréola

Poucas mamas necessitam de apoio para amamentar se mães e bebês estão bem posicionados. Culturalmente colocar os dedos de forma de “tesoura” é bastante comum, bem retratado desde a arte renascentista até nossos dias.

É necessário sugerir, então, que os dedos fiquem distantes da aréola, em forma de “C”. A incorporação desta prática (re)construída, a partir dos grupos de pré-natal será melhor incorporada no puerpério.

Os dedos são colocados na parede do tórax, embaixo da mama. O dedo indicador formará um suporte na base do peito e o polegar poderá ser usado como suave suporte acima, sem pressionar. Há uma tendência em colocar o indicador muito próximo da aréola, o que deve ser corrigido para não dificultar a pega na parte inferior.

posições para amamentar

Mamas hipertróficas ou flácidas

As diferenças existem. Em algumas situações, como mamas hipertróficas ou muito flácidas, pode haver a necessidade do uso das mãos como apoio; tipoias ou pequenos rolinhos de tecidos, podem ser úteis em casos excepcionais.

Uma outra posição que ajuda a manter a pega é a “posição da mão de bailarina”, que consiste em apoiar a mandíbula do bebê com os dedos indicador e polegar da mãe, enquanto os outros 3 apoiam a mama.

Funciona como recurso não só nos casos citados, como também para a fixação da boa pega em caso de bebês prematuros, portadores da síndrome de Down, laringotraqueomalácia, fendas palatais e outros.

Posições para amamentar

Posição tradicional: o bebê fica no colo da mãe na posição transversal, com a cabeça um pouco mais elevada que o corpo. A mãe deve segurar a cabeça do bebê com o braço direito e dar o peito direito. Ou segurar com o braço esquerdo e dar o peito esquerdo. A barriga do bebê deve encostar na barriga da mãe. Esta é a posição mais comum.

posições para amamentar

Posição invertida: é parecida com a posição tradicional, mas o braço que segura o bebê no colo é o oposto ao seio.

posições para amamentar

 

Posição deitada: mãe e bebê ficam deitados na cama, um ao lado do outro. O bebê deve ficar com a cabeça mais elevada que o corpo. A mãe fica de lado, deitada com um travesseiro mais alto, e coloca o seio na boca do bebê.

posições para amamentar

Posição cavalinho: o bebê fica quase sentado no colo, de frente para mãe, que deve estar sentada em uma cadeira mais vertical. A mãe aconchega o filho na sua frente e segura a cabecinha e o corpo dele com as mãos.

posições para amamentar

Posição bola de futebol americano: O bebê fica com a cabeça no seio direito da mãe enquanto ela o segura com o braço direito. O corpo do bebê passa por baixo do braço direito da mãe. O mesmo se for usar o braço esquerdo. A mãe deve ajeitar direitinho o corpo do bebê. Para isso, pode utilizar duas cadeiras ou um sofá.

posições para amamentar

Posição laid-back: a mãe assume uma posição sutilmente reclinada, relaxada, com ombros, cabeça e pescoço bem apoiados; o bebê fica em cima da mãe, em posição longitudinal ou oblíqua, não havendo necessidade de apoiá-lo, mantendo-se fixado à mãe pela força da gravidade  e livre da pressão das costas.

Posições para amamentar

 

Posição para amamentar simultaneamente gêmeos: optar por qualquer uma das posições já citadas no caso de ter gêmeos e desejar dar de mamar ao mesmo tempo. Para ver todas as posições para amamentar gêmeos ilustradas, leia o artigo “Como amamentar gêmeos?”.

posições para amamentar

Sugestão de vídeo:

Referências Bibliográficas:
  • CARVALHO, Marcus Renato. “Por uma amamentação descontraída (Laid-Back)”. Site: Aleitamento.com, 2014. Disponível em: http://www.aleitamento.com/amamentacao/conteudo.asp?cod=1961
  • ESCOBAR, Ana. “Boas-vindas, bebê 1: do nascimento aos três meses de idade/ Ana Escobar. – 1ª ed. – São Paulo: Principium, 2014. il. 
  • REGO, José Dias. Aleitamento Materno – “Postura, Posição e Pega Adequadas: um bom início para a amamentação”. 3ª edição. São Paulo. Editora Atheneu, 2015.
  • VÍDEO: Canal no Youtube – Lansinoh. 

♡♡♡♡♡♡♡♡♡♡♡♡♡♡♡♡ ℓεiค τคмвεм ♡♡♡♡♡♡♡♡♡♡♡♡♡♡

Faça seu comentário!

Seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios devem ser marcados *

Comment *